Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gulinha.

Peixe, carne, legumes. Entradas, sobremesas, petiscos. Experiências. Dicas. Erros. Um forno temperamental. Mesas para dois ou para dez. Dias bons, muito bons e assim-assim. A minha cozinha tem de tudo. E é o meu sítio mais feliz.

Peixe, carne, legumes. Entradas, sobremesas, petiscos. Experiências. Dicas. Erros. Um forno temperamental. Mesas para dois ou para dez. Dias bons, muito bons e assim-assim. A minha cozinha tem de tudo. E é o meu sítio mais feliz.

Gulinha.

02
Out17

Salvem-se os restos de frango assado!

Salada francesa de frango assado 1.jpg

 

O frango assado é "aquela" salvação em quase todas as casas. Numa emergência, num dia em que o tempo é pouco, quando não se tem vontade de cozinhar... Frango assado.

 

Mas depois há sempre o mesmo problema: o frango que sobra. Regra geral, é a parte do peito que fica. Ali. Seca, sem graça, às vezes esquecida.

 

Cá em casa, a salvação passa, habitualmente, por uma salada rápida e ótima que o mais-que-tudo faz. Leva, além do frango desfiado, alface, rúcula, tomate, mozzarella, mel, azeite, vinagre e – muito importante – aquele bocadinho de molho do frango que também sobrou. É quase saudável e boa mas boa!

 

Mas aqui há tempos passei, completamente por acaso, por pelo menos três receitas cujo mote é precisamente aproveitar restos de frango assado. Uma de frango à brás, outra de chowder e outra de salada (mas muito diferente da de cá de casa). O frango à brás já fiz, há algum tempo, e ficou ótimo; o chowder (uma espécie de sopa, quentinha e cremosa) parece-me uma excelente ideia, mas para quando estiver frio. Restava por isso a "nova" salada – salada francesa, para ser mais específica –, que é receita do Jamie Oliver.

 

Fiz duas ou três alterações, mínimas, para usar o que tinha cá em casa.

 

Resultado? Uma salada cheia de sabor e de texturas diferentes. Ótima para quem gosta de mostarda. Não é a típica salada de verão, fresquinha e levíssima, mas de certeza que vai voltar cá a casa mais vezes. Gostámos muito!

 

Salada francesa de frango assado 2.jpg

  

---

 

sep receitas.png

Salada francesa de frango assado

Ingredientes [para duas pessoas]:

Para a salada:

½ frango assado

250 g de feijão-verde

300 g de lentilhas amarelas cozidas

100 g de salada de folhas verdes

Cebolinho q.b.

2 ovos

3 c. de sopa de azeite

Para o molho:

2 c. de sopa generosas de mostarda

1 dente de alho grande esmagado

1 c. de chá de mel

2 c. de sopa de azeite

1 c. de sopa de vinagre

Sal e pimenta q.b.

 

***

 

Primeiríssima coisa a fazer: cozer os ovos. A gosto. Gema mais mole, gema mais dura... (Líquida talvez não seja grande ideia, porque vai acabar por se misturar ao molho.) Assim que estiverem cozidos, reserve. Enquanto cozem pode aproveitar para arranjar o feijão-verde.

 

A seguir, trate do molho. Vai fazê-lo já na taça em que quer servir a salada. Basta juntar todos os ingredientes, misturá-los bem e reservar.

 

Depois, o frango. Desfie – pele para um lado e carne para o outro. Ponha uma frigideira sem qualquer gordura a aquecer em lume médio e, quando estiver quente, rasgue para lá a pele do frango, em pedaços aí de 1 ou 2 cm. Deixe ao lume e vá mexendo, até a pele largar a gordura e ficar mais escura e estaladiça. Quando estiver pronta, ponha-a a escorrer em papel de cozinha e reserve. (Vai ficar com uma espécie de torresmos de frango...)

 

Na mesma frigideira, que ainda vai estar quente, ponha uma colher de sopa de azeite. Mal aqueça, junte o frango, e salteie durante uns 5 minutos. A ideia é que aqueça e que fique um bocadinho mais dourado e com uma ou outra pontinha tostada. No final, reserve, também.

 

Mais uma vez na mesma frigideira, coloque as duas colheres de azeite que faltam, aqueça e junte as lentilhas. São mais uns 5, 7 minutos a saltear, até ficarem um pouquinho mais "secas". (Entretanto, ponha uma panela com água ao lume, para ferver.) Quando as lentilhas estiverem prontas... Já adivinhou, não é? Reserve, pois.

 

Quando a água da panela já ferver, coloque lá o feijão-verde, tempere com sal e deixe cozer. (Com cuidado, para não ficar muito mole – caso contrário acaba por se desfazer na salada.) Assim que estiver cozido, escorra, deite para a taça da salada e envolva muito bem no molho. Isto tem de ser feito enquanto o feijão ainda está quente, para absorver o máximo de sabor.

 

Por cima do feijão coloque a salada de folhas verdes, as lentilhas, o frango, uma boa dose de cebolinho picado e a pele que tostou. Por fim, descasque os ovos, corte-os em quatro e disponha sobre a salada.

 

E sirva logo!

 

Salada francesa de frango assado 3.jpg

  

sep notas.png

 

Notas:

* Esta salada pode ser feita com restos de frango cozinhado de outra forma. Se é frango estufado que tem no frigorífico, siga com frango estufado!

 

* Usei vinagre de tomate. Mas de vinho branco, de vinho tinto ou de cidra também funcionam.

 

* Eu cozi as lentilhas em casa, mas pode usar das de frasco, claro. Se cozer em casa, tente que não fiquem demasiado moles, para que não se desfaçam na salada – caso contrário, pode acontecer o molho parecer mais um puré...

 

* Ainda sobre as lentilhas: outra cor também serve. Aliás, as verdes e as castanhas são as melhores para saladas, porque não se desfazem tanto. Mas eu só tinha amarelas, por isso...

Sofia.

Mais Gulinha.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Dar sangue. Dar medula. Dar vida.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D